Information about Covid-19 in news deserts: the importance of journalism in the interior of Pará
[Liinc em Revista; Vol. 16 No. 2 (2020): Informational Perspectives and Challenges in Times of the Covid-19 Pandemic; e5339]
A informação sobre a Covid-19 nos desertos de notícias: a relevância do jornalismo interior do Pará

Information about Covid-19 in news deserts: the importance of journalism in the interior of Pará

Resumo: Diante da pandemia da COVID-19, o acesso à informação de qualidade tornou-se elemento fundamental na manutenção das condições básicas de saúde. Neste artigo discutimos a importância do jornalismo nos chamados desertos de notícias. Partimos da realidade da cidade de Rondon do Pará, Sudeste paraense, Brasil, para analisar como a escassez de informação jornalística impacta o conhecimento da realidade local, especialmente durante a pandemia. Assumimos a premissa de que o jornalismo, fundamentado em princípios e critérios específicos, tende a produzir informações mais qualificadas do que aquelas difusas em ambientes digitais informais. Assim, nossa hipótese é a de que, em locais com meios jornalísticos diversos, há maior espaço para promoção da cidadania, uma vez que as comunidades podem ter bons subsídios para a tomada de decisões. Embora utilizemos dados quantitativos, nossa metodologia é eminentemente qualitativa, fundamentada em entrevistas semi-estruturadas com cidadãos rondonenses, e em observação participante, com nossa experiência na rotina de produção do portal Rondon Notícias. Fundamentadas em conceitos como jornalismo comunitário, regional, desinformação e comunicação para mudança social, observamos a relevância do jornalismo em sociedades periféricas como uma questão de cidadania e de desenvolvimento. Nossa análise aponta, entre outras questões, que em comunidades com pouca tradição de mídias locais, os cidadãos não conseguem diferenciar as informações jornalísticas de outros tipos, diminuindo as chances de estarem bem informados e, em última análise, acessarem sua condição de cidadãos. E, além de não compreenderem a importância da informação local, também não se dispõem como fontes, o que dificulta o exercício do jornalismo nesses espaços

Palavras-chave: Deserto de Notícia. Jornalismo. Desinformação. Rondon Notícia.



Abstract: In the face of the Covid-19 pandemic, the access to quality information has become a fundamental condition to maintain basic health conditions. In this article we discuss the importance of Journalism in the so-called news desert. We start from the reality of the city of Rondon do Pará, southeast of Pará, Brazil, to analyze how the scarcity of journalistic information impacts the knowledge of the local situation, especially during the coronavirus outbreak. We take the assumption that Journalism, established on specific principles and criteria, tends to produce more qualified information than that disseminated in informal digital environments. Thus, our hypothesis is that in places with different journalistic media, there is more space to encourage citizenship, because communities can count on good subsidies to take decisions. Although we use quantitative data, our methodology is highly qualitative, based on semi-structured interviews with inhabitants of Rondon do Pará, and on participant observation, supported by the experience of our production routine at the Portal Rondon Notícias. Well-founded on concepts such as community and regional journalism, misinformation and communication for social change, we consider the relevance of Journalism in outskirts societies as a matter of citizenship and development. Our analysis indicates, among other issues, that in communities with little tradition of local media, dwellers are unable to distinguish journalistic information from other types, bringing down the chances of being well-informed and, ultimately, achieving their status as citizens. Besides to not understand the importance of local information, people are also not available as sources of information, which makes difficult the exercise of journalism in these spaces

Keywords: News Desert. Journalism. Disinformation. Rondon Notícias.



Como citar
JAVORSKI, E.; BARGAS, J. A informação sobre a covid-19 nos desertos de notícias: a relevância do jornalismo interior do pará. Liinc em revista, v. 16, 2020. DOI: 10.18617/liinc.v16i2.5339 Acesso em: 03 out. 2022.

Compartilhe
Plum X Metrics
NLP
proprietyvalue
DescriptorA informação sobre a Covid-19 nos desertos de notícias: a relevância do jornalismo interior do Pará
JAVORSKI, Elaine; BARGAS, Janine
Liinc em revista, v. 16, 2020. () (pt-BR) 3
Identificadorhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/5339 (pt-BR) 3
IdentificadorDOI: 10.18617/liinc.v16i2.5339 (pt-BR) 3
TitleA informação sobre a Covid-19 nos desertos de notícias: a relevância do jornalismo interior do Pará (pt-BR) 3
TitleInformation about Covid-19 in news deserts: the importance of journalism in the interior of Pará (en) 3
AuthorJAVORSKI, Elaine (pt-BR) 1
AuthorBARGAS, Janine (pt-BR) 1
Access Linkhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/5339/5119 (pt-BR) 3
IssueLiinc em revista, v. 16, 2020. (pt-BR) 2
Nome da PulicaçãoLiinc em revista (pt-BR) 1
Sessão () 3
Disponibilizado2020-12-17 (pt-BR) 1
hasAbstractDiante da pandemia da COVID-19, o acesso à informação de qualidade tornou-se elemento fundamental na manutenção das condições básicas de saúde. Neste artigo discutimos a importância do jornalismo nos chamados desertos de notícias. Partimos da realidade da cidade de Rondon do Pará, Sudeste paraense, Brasil, para analisar como a escassez de informação jornalística impacta o conhecimento da realidade local, especialmente durante a pandemia. Assumimos a premissa de que o jornalismo, fundamentado em princípios e critérios específicos, tende a produzir informações mais qualificadas do que aquelas difusas em ambientes digitais informais. Assim, nossa hipótese é a de que, em locais com meios jornalísticos diversos, há maior espaço para promoção da cidadania, uma vez que as comunidades podem ter bons subsídios para a tomada de decisões. Embora utilizemos dados quantitativos, nossa metodologia é eminentemente qualitativa, fundamentada em entrevistas semi-estruturadas com cidadãos rondonenses, e em observação participante, com nossa experiência na rotina de produção do portal Rondon Notícias. Fundamentadas em conceitos como jornalismo comunitário, regional, desinformação e comunicação para mudança social, observamos a relevância do jornalismo em sociedades periféricas como uma questão de cidadania e de desenvolvimento. Nossa análise aponta, entre outras questões, que em comunidades com pouca tradição de mídias locais, os cidadãos não conseguem diferenciar as informações jornalísticas de outros tipos, diminuindo as chances de estarem bem informados e, em última análise, acessarem sua condição de cidadãos. E, além de não compreenderem a importância da informação local, também não se dispõem como fontes, o que dificulta o exercício do jornalismo nesses espaços (pt-BR) 3
hasAbstractIn the face of the Covid-19 pandemic, the access to quality information has become a fundamental condition to maintain basic health conditions. In this article we discuss the importance of Journalism in the so-called news desert. We start from the reality of the city of Rondon do Pará, southeast of Pará, Brazil, to analyze how the scarcity of journalistic information impacts the knowledge of the local situation, especially during the coronavirus outbreak. We take the assumption that Journalism, established on specific principles and criteria, tends to produce more qualified information than that disseminated in informal digital environments. Thus, our hypothesis is that in places with different journalistic media, there is more space to encourage citizenship, because communities can count on good subsidies to take decisions. Although we use quantitative data, our methodology is highly qualitative, based on semi-structured interviews with inhabitants of Rondon do Pará, and on participant observation, supported by the experience of our production routine at the Portal Rondon Notícias. Well-founded on concepts such as community and regional journalism, misinformation and communication for social change, we consider the relevance of Journalism in outskirts societies as a matter of citizenship and development. Our analysis indicates, among other issues, that in communities with little tradition of local media, dwellers are unable to distinguish journalistic information from other types, bringing down the chances of being well-informed and, ultimately, achieving their status as citizens. Besides to not understand the importance of local information, people are also not available as sources of information, which makes difficult the exercise of journalism in these spaces (en) 3
hasFileStorage_repository/708/2021/03/oai_ojs_revista_ibict_br_article_5339#00051.pdf () 1
hasIdA informação sobre a Covid-19 nos desertos de notícias: a relevância do jornalismo interior do Pará
JAVORSKI, Elaine; BARGAS, Janine
Liinc em revista, v. 16, 2020. () () 3
SourceLiinc em Revista; Vol. 16 No. 2 (2020): Informational Perspectives and Challenges in Times of the Covid-19 Pandemic; e5339 (pt-BR) 3
SourceLiinc em Revista; v. 16 n. 2 (2020): Perspectivas e desafios informacionais em tempos da pandemia da Covid-19; e5339 (pt-BR) 3
SourceLiinc em Revista; Vol. 16 Núm. 2 (2020): Perspectivas y desafíos de la información en tiempos de la Pandemia de Covid-19; e5339 (es-ES) 3
Source1808-3536 () 3
ThemaDeserto de Notícia (pt-BR) 1
ThemaJornalismo (pt-BR) 1
ThemaDesinformação (pt-BR) 1
ThemaRondon Notícia (pt-BR) 1
ThemaCovid-19 (es-ES) 1
ThemaNews Desert (en) 1
ThemaJournalism (en) 1
ThemaDisinformation (en) 1
ThemaRondon Notícias (en) 1