Institutional relations and responsibility in science journals of articles of information science in Brazil
[]
GT7 Produção e Comunicação da Informação em CT &., I
Quem financia nossos periódicos? Um estudo na base scielo sobre a relação entre áreas de conhecimento, editoras e financiamento

Institutional relations and responsibility in science journals of articles of information science in Brazil

Resumo: Investiga a relação entre as variáveis áreas de conhecimento, financiamento e editoras das revistas brasileiras integrantes da base Scielo, com o objetivo de verificar se as áreas de conhecimento, tidas como determinantes das diferenças nas necessidades e hábitos de comunicação de seus pesquisadores, como afirmam Hjørland e outros, teriam influência também na edição e financiamento dos seus periódicos. Os periódicos estudados são os integrantes da biblioteca Scielo, de acesso livre, correntes em agosto de 2008. Os dados, levantados nos sites das revistas Scielo, editais de agências de fomento e outras fontes, foram tratados estatisticamente e são apresentados em tabelas comentadas. Resultados sugerem que a produção de periódicos, assim como hábitos de comunicação, também é influenciada pelas características das áreas de conhecimento: periódicos de uma mesma área revelaram comportamentos semelhantes em relação às variáveis entidades editoras e formas de financiamento. Também foram encontradas semelhanças entre grupos de periódicos de áreas diferentes, mas de natureza semelhante, sugerindo, grosso modo, a formação de dois grupos: um formado pelas Ciências Biológicas, da Saúde, Agrárias, Exatas e da Terra, e Engenharias, e outro pelas Ciências Humanas, Sociais Aplicadas e Letras e Lingüística. A coesão dos grupos não é rígida: conforme a variável estudada, alguns periódicos de algumas áreas se agregam a outros grupos, fenômenos observados especialmente em relação às Engenharias e Ciências da Saúde. O estudo se encerra com considerações sobre os resultados, destacando a importância das agências governamentais no financiamento dos periódicos estudados.

Palavras-chave: Periódicos brasileiros de acesso aberto. Financiamento. SciELO. Financiamento de periódicos.



Abstract: A group of top Brazilian periodicals was surveyed to identify type of publisher and availability of financial support, including support received from external sponsors and self generated sources such as subscriptions and page charges, with the aim of verifying whether different habits of communication observed in different domains, such as proposed by Hjørland and others, also occur in periodicals production. Periodicals studied are those included in SciELO, an open access data base offering free access to articles published in 193 titles (2007 and 2008) included in Scielo at the time of the study. Data were treated statistically, and is presented in tables. Results point to partial confirmation of area influence on publishing: titles grouped in two sets when the variable areas of interest of periodicals is crossed with the variables type of publishers and type of sponsors and funding: the natural and hard sciences periodicals grouped together as did the humanities and social sciences, though the two resulting groups present some instability according to variable in consideration. Results also revealed strong dependence of periodicals studied from governmental grants.

Keywords:



Como citar
MUELLER, S. Quem financia nossos periódicos? um estudo na base scielo sobre a relação entre áreas de conhecimento, editoras e financiamento. , . Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/175472. Acesso em: 05 fev. 2023.

Compartilhe
NLP

Referências

proprietyvalue
Descriptorenancib.org.2009.622 (NaN) 3
TitleQuem financia nossos periódicos? Um estudo na base scielo sobre a relação entre áreas de conhecimento, editoras e financiamento (pt-BR) 3
TitleInstitutional relations and responsibility in science journals of articles of information science in Brazil (en) 3
AuthorMUELLER, Suzana (pt-BR) 1
SessãoTrabalho/Comunicação Oral (pt-BR) 1
SessãoGT7 Produção e Comunicação da Informação em CT &., I (pt-BR) 1
hasAbstractInvestiga a relação entre as variáveis áreas de conhecimento, financiamento e editoras das revistas brasileiras integrantes da base Scielo, com o objetivo de verificar se as áreas de conhecimento, tidas como determinantes das diferenças nas necessidades e hábitos de comunicação de seus pesquisadores, como afirmam Hjørland e outros, teriam influência também na edição e financiamento dos seus periódicos. Os periódicos estudados são os integrantes da biblioteca Scielo, de acesso livre, correntes em agosto de 2008. Os dados, levantados nos sites das revistas Scielo, editais de agências de fomento e outras fontes, foram tratados estatisticamente e são apresentados em tabelas comentadas. Resultados sugerem que a produção de periódicos, assim como hábitos de comunicação, também é influenciada pelas características das áreas de conhecimento: periódicos de uma mesma área revelaram comportamentos semelhantes em relação às variáveis entidades editoras e formas de financiamento. Também foram encontradas semelhanças entre grupos de periódicos de áreas diferentes, mas de natureza semelhante, sugerindo, grosso modo, a formação de dois grupos: um formado pelas Ciências Biológicas, da Saúde, Agrárias, Exatas e da Terra, e Engenharias, e outro pelas Ciências Humanas, Sociais Aplicadas e Letras e Lingüística. A coesão dos grupos não é rígida: conforme a variável estudada, alguns periódicos de algumas áreas se agregam a outros grupos, fenômenos observados especialmente em relação às Engenharias e Ciências da Saúde. O estudo se encerra com considerações sobre os resultados, destacando a importância das agências governamentais no financiamento dos periódicos estudados. (pt-BR) 3
hasAbstractA group of top Brazilian periodicals was surveyed to identify type of publisher and availability of financial support, including support received from external sponsors and self generated sources such as subscriptions and page charges, with the aim of verifying whether different habits of communication observed in different domains, such as proposed by Hjørland and others, also occur in periodicals production. Periodicals studied are those included in SciELO, an open access data base offering free access to articles published in 193 titles (2007 and 2008) included in Scielo at the time of the study. Data were treated statistically, and is presented in tables. Results point to partial confirmation of area influence on publishing: titles grouped in two sets when the variable areas of interest of periodicals is crossed with the variables type of publishers and type of sponsors and funding: the natural and hard sciences periodicals grouped together as did the humanities and social sciences, though the two resulting groups present some instability according to variable in consideration. Results also revealed strong dependence of periodicals studied from governmental grants. (en) 3
hasFileStorage_repository/enancib/2009/work_175472.pdf (NaN) 1
hasIssueProceedingOfEncontro Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Ciência da Informação, 10., 2009, João Pessoa (pt-BR) 2
ThemaPeriódicos brasileiros de acesso aberto (pt-BR) 1
ThemaFinanciamento (pt-BR) 1
ThemaSciELO (pt-BR) 1
ThemaFinanciamento de periódicos (pt-BR) 1
ThemaBrazilian open access periodicals funding practices (NaN) 1
ThemaScielo (open access periodicals data base) (NaN) 1