Análise Crítica Semiótica e Economia Política Cultural | Critical semiotic analysis and critical political economy
[Liinc em Revista; v. 6, n. 2 (2010): Linguagem, informação e novas dinâmicas sociais contemporâneas]
Dossiê Linguagem, Informação e Nova Dinâmica Social Contemporâneas |
Análise Crítica Semiótica e Economia Política Cultural | Critical semiotic analysis and critical political economy

Resumo: Resumo Defendo aqui a idéia de uma “Economia Política Cultural” (“Cultural Political Economy” - CPE), explorando o papel constitutivo da semiose nas atividades econômicas e políticas, nas instituições econômicas e políticas, e na ordem social em geral. A abordagem da CPE é pós-disciplinária: ela adota a “virada cultural” na pesquisa econômica e política, sem descuidar da articulação entre a semiose e as materialidades interconectadas da econômica e da política, dentro de formações sociais mais amplas. Essa abordagem é ilustrada pela emergência da Economia baseada em Conhecimento (“Knowledge-Based Economy” - KBE), enquanto discurso-mestre tanto das estratégias de acumulação em diferentes escalas, dos projetos de estado e visões hegemônicas, e dos diversos sistemas funcionais e profissões, quanto da sociedade civil.Palavras-chave semiose; economia e política; economia política cultural; economia do conhecimento; virada cultural  Abstract This article defends the idea of a Cultural Political Economy – CPE, exploring the constitutive role of semiotics in economic and political activities and in the social order in general. This approach is post-disciplinary: it adopts the "cultural turn" in economic and political research, while not ignoring the articulation between semiotics and the interconnected materialities in economics and politics, within broader social formations. This approach is illustrated in the Knowledge-Based Economy – KBE as a master-discourse in accumulation strategies at different scales, state projects and hegemonic views, and diverse functional systems and professions, as well as in civil society. Keywords semiotics; economy and politics; cultural political economy; knowledge economy; cultural turn

Palavras-chave:



Como citar
JESSOP, B. Análise crítica semiótica e economia política cultural | critical semiotic analysis and critical political economy. Liinc em revista, v. 6, n. 2, 2010. DOI: 10.18617/liinc.v6i2.379 Acesso em: 03 out. 2022.

Compartilhe
Plum X Metrics
NLP
proprietyvalue
DescriptorAnálise Crítica Semiótica e Economia Política Cultural | Critical semiotic analysis and critical political economy
JESSOP, Bob
Liinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (Dossiê Linguagem, Informação e Nova Dinâmica Social Contemporâneas |) (pt-BR) 3
Identificadorhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3266 (pt-BR) 3
IdentificadorDOI: 10.18617/liinc.v6i2.379 (pt-BR) 3
TitleAnálise Crítica Semiótica e Economia Política Cultural | Critical semiotic analysis and critical political economy (pt-BR) 3
AuthorJESSOP, Bob (pt-BR) 1
Access Linkhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3266/2890 (pt-BR) 3
IssueLiinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (pt-BR) 2
Nome da PulicaçãoLiinc em revista (pt-BR) 1
SessãoDossiê Linguagem, Informação e Nova Dinâmica Social Contemporâneas | (pt-BR) 1
Disponibilizado2010-09-29 (pt-BR) 1
hasAbstractResumo Defendo aqui a idéia de uma “Economia Política Cultural” (“Cultural Political Economy” - CPE), explorando o papel constitutivo da semiose nas atividades econômicas e políticas, nas instituições econômicas e políticas, e na ordem social em geral. A abordagem da CPE é pós-disciplinária: ela adota a “virada cultural” na pesquisa econômica e política, sem descuidar da articulação entre a semiose e as materialidades interconectadas da econômica e da política, dentro de formações sociais mais amplas. Essa abordagem é ilustrada pela emergência da Economia baseada em Conhecimento (“Knowledge-Based Economy” - KBE), enquanto discurso-mestre tanto das estratégias de acumulação em diferentes escalas, dos projetos de estado e visões hegemônicas, e dos diversos sistemas funcionais e profissões, quanto da sociedade civil.Palavras-chave semiose; economia e política; economia política cultural; economia do conhecimento; virada cultural  Abstract This article defends the idea of a Cultural Political Economy – CPE, exploring the constitutive role of semiotics in economic and political activities and in the social order in general. This approach is post-disciplinary: it adopts the "cultural turn" in economic and political research, while not ignoring the articulation between semiotics and the interconnected materialities in economics and politics, within broader social formations. This approach is illustrated in the Knowledge-Based Economy – KBE as a master-discourse in accumulation strategies at different scales, state projects and hegemonic views, and diverse functional systems and professions, as well as in civil society. Keywords semiotics; economy and politics; cultural political economy; knowledge economy; cultural turn (pt-BR) 3
hasFileStorage_repository/708/2018/09/oai_ojs_revista_ibict_br_article_3266#00051.pdf () 1
hasIdAnálise Crítica Semiótica e Economia Política Cultural | Critical semiotic analysis and critical political economy
JESSOP, Bob
Liinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (Dossiê Linguagem, Informação e Nova Dinâmica Social Contemporâneas |) () 3
SourceLiinc em Revista; v. 6, n. 2 (2010): Linguagem, informação e novas dinâmicas sociais contemporâneas (pt-BR) 3
Source1808-3536 () 3