Democratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | Democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics
[Liinc em Revista; v. 13, n. 1 (2017): Ciência cidadã e laboratórios cidadãos | Ciencia ciudadana y laboratorios ciudadanos | Citizen science and citizen labs]
Ciência Cidadã e Laboratório Cidadao | Ciencia Ciudadana Y Laboratorio Ciudadano | Citizen Science and Citizen Labs
Democratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | Democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics

Resumo: Resumo O artigo retoma os debates e premissas sobre a democratização da governança em ciência e tecnologia, e os compara com a perspectiva da ciência predominante no conceito de comunidades epistêmicas no campo das relações internacionais. Ressalta os diferentes entendimentos sobre o binômio “ciência e tecnologia” nas abordagens debatidas. A revisão e comparação entre perspectivas da ciência aportadas pelos estudos sociais da ciência e tecnologia e pelas relações internacionais busca contribuir com o debate da democratização e engajamento público em ciência e tecnologia para além de uma perspectiva nacional. Conclui-se pela necessidade de integrar perspectivas e debates contemporâneos sobre uma produção de conhecimento heterogênea e múltipla na análise do conhecimento nas relações internacionais.Palavras-chave: Governança em C&T; Democratização; Comunidades Epistêmicas (Relações Internacionais).Abstract This article explores the debates around calls and experiments of democratization in science and technology governance, and compares them with the perspective of science embedded in the concept of epistemic communities, as employed by International Relations theories. It emphasizes the different understandings about "Science and Technology" in each of these approaches. The review and comparison between perspectives of science provided by the Social Studies of Science and Technology and International Relations seeks to contribute to the debate of democratization and public engagement in science and technology beyond a national perspective. The article concludes by pointing to the necessity of recognizing contemporary perspectives of knowledge, as a heterogeneous field of action composed by multiple actors and networks, for an improved analysis of the role of knowledge in international politics.Keywords: Governance in S&T; Democratization; Epistemic Communities (International Relations).

Palavras-chave: Governança em C&T. Democratização. Comunidade Epistêmica.



Como citar
GAYARD, N. A. Democratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics. Liinc em revista, v. 13, n. 1, 2017. DOI: 10.18617/liinc.v13i1.3769 Acesso em: 03 out. 2022.

Compartilhe
Plum X Metrics
NLP
proprietyvalue
DescriptorDemocratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | Democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics
GAYARD, Nicole Aguilar
Liinc em revista, n. 1, v. 13, 2017. (Ciência Cidadã e Laboratório Cidadao | Ciencia Ciudadana Y Laboratorio Ciudadano | Citizen Science and Citizen Labs) (pt-BR) 3
Identificadorhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3769 (pt-BR) 3
IdentificadorDOI: 10.18617/liinc.v13i1.3769 (pt-BR) 3
TitleDemocratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | Democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics (pt-BR) 3
AuthorGAYARD, Nicole Aguilar (pt-BR) 1
Access Linkhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3769/3214 (pt-BR) 3
IssueLiinc em revista, n. 1, v. 13, 2017. (pt-BR) 2
Nome da PulicaçãoLiinc em revista (pt-BR) 1
SessãoCiência Cidadã e Laboratório Cidadao | Ciencia Ciudadana Y Laboratorio Ciudadano | Citizen Science and Citizen Labs (pt-BR) 1
Disponibilizado2017-06-06 (pt-BR) 1
hasAbstractResumo O artigo retoma os debates e premissas sobre a democratização da governança em ciência e tecnologia, e os compara com a perspectiva da ciência predominante no conceito de comunidades epistêmicas no campo das relações internacionais. Ressalta os diferentes entendimentos sobre o binômio “ciência e tecnologia” nas abordagens debatidas. A revisão e comparação entre perspectivas da ciência aportadas pelos estudos sociais da ciência e tecnologia e pelas relações internacionais busca contribuir com o debate da democratização e engajamento público em ciência e tecnologia para além de uma perspectiva nacional. Conclui-se pela necessidade de integrar perspectivas e debates contemporâneos sobre uma produção de conhecimento heterogênea e múltipla na análise do conhecimento nas relações internacionais.Palavras-chave: Governança em C&T; Democratização; Comunidades Epistêmicas (Relações Internacionais).Abstract This article explores the debates around calls and experiments of democratization in science and technology governance, and compares them with the perspective of science embedded in the concept of epistemic communities, as employed by International Relations theories. It emphasizes the different understandings about "Science and Technology" in each of these approaches. The review and comparison between perspectives of science provided by the Social Studies of Science and Technology and International Relations seeks to contribute to the debate of democratization and public engagement in science and technology beyond a national perspective. The article concludes by pointing to the necessity of recognizing contemporary perspectives of knowledge, as a heterogeneous field of action composed by multiple actors and networks, for an improved analysis of the role of knowledge in international politics.Keywords: Governance in S&T; Democratization; Epistemic Communities (International Relations). (pt-BR) 3
hasFileStorage_repository/708/2018/09/oai_ojs_revista_ibict_br_article_3769#00051.pdf () 1
hasIdDemocratizando a ciência no cenário internacional: um debate sobre conceito de comunidades epistêmicas e sua perspectiva da ciência na política internacional | Democratizing science on the international scene: a debate on the concept of epistemic communities and its perspective of science in international politics
GAYARD, Nicole Aguilar
Liinc em revista, n. 1, v. 13, 2017. (Ciência Cidadã e Laboratório Cidadao | Ciencia Ciudadana Y Laboratorio Ciudadano | Citizen Science and Citizen Labs) () 3
SourceLiinc em Revista; v. 13, n. 1 (2017): Ciência cidadã e laboratórios cidadãos | Ciencia ciudadana y laboratorios ciudadanos | Citizen science and citizen labs (pt-BR) 3
Source1808-3536 () 3
ThemaGovernança em C&T (pt-BR) 1
ThemaDemocratização (pt-BR) 1
ThemaComunidade Epistêmica (pt-BR) 1