Relações semânticas em ontologias: estudo de caso do Blood Project | Semantic relations on ontologies: the case study of the Blood Project
[Liinc em Revista; v. 6, n. 2 (2010): Linguagem, informação e novas dinâmicas sociais contemporâneas]
Mal Artigo | More Article
Relações semânticas em ontologias: estudo de caso do Blood Project | Semantic relations on ontologies: the case study of the Blood Project

Resumo: Resumo Nos últimos anos, a pesquisa em ontologias tem recebido destaque pelas possibilidades que oferece na organização da informação. No desenvolvimento de ontologias, a fase de conceitualização merece atenção especial por sua importância e complexidade. Esse artigo busca investigar possibilidades de melhorias na fase de conceitualização, adotando aportes da Linguística para verificar variações na semântica das relações entre termos. Apresenta-se uma proposta que abrange: i) um esquema linguístico para identificar relações semânticas em um texto; ii) o uso de uma ferramenta automática para extração de termos de textos médicos; iii) uma avaliação realizada por médicos sobre quais relações seriam mais adequadas. Investiga-se a existência de variações significativas na semântica das relações, o impacto dessa variação no desenvolvimento de ontologias e a validade das relações obtidas. Espera-se contribuir através de novas possibilidades na construção de instrumentos de organização da informação, bem como fornecendo alternativas para os profissionais envolvidos.Palavras-chave ontologias, Ciência da Informação, processamento de linguagem natural, relações semânticas, organização da informação.Abstract In the last years, research on onthologies has received much attention because of the possibilities it offers regarding information organization. During the onthology development process, the phase of conceptualization deserves special attention on account of its importance and complexity. This paper investigates possible improvements in the phase of conceptualization, relying on linguistics theories to verify variations of semantic relations among terms. We present a proposal including: i) a linguistic-based schema which identifies semantic relations in texts; ii) the use of an automatic tool which extracts terms from medical texts; iii) an assessment conducted with physicians requesting which relations are more appropriate. We investigate the possibility of significant variations in the semantic of those relations, the impact of such variation on the development of onthologies and the validity of the obtained relations. We hope to offer new possibilities regarding the construction of information organization instruments, as well as providing alternatives to involved professionals.Keywords onthologies, Information Science, natural language processing, semantic relations, information organization

Palavras-chave: Ontologia. 1 Ciência da Informação. Processamento de Linguagem Natural. Relação Semântica. Organização da Informação.



Como citar
ALMEIDA, M. B.; TEIXEIRA, L. M. D.; COELHO, K. C.; SOUZA, R. R. Relações semânticas em ontologias: estudo de caso do blood project | semantic relations on ontologies: the case study of the blood project. Liinc em revista, v. 6, n. 2, 2010. DOI: 10.18617/liinc.v6i2.362 Acesso em: 03 out. 2022.

Compartilhe
Plum X Metrics
NLP
proprietyvalue
DescriptorRelações semânticas em ontologias: estudo de caso do Blood Project | Semantic relations on ontologies: the case study of the Blood Project
ALMEIDA, Maurício Barcellos; TEIXEIRA, Livia Marangon Duffles; COELHO, Kátia Cardoso; SOUZA, Renato Rocha
Liinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (Mal Artigo | More Article) (pt-BR) 3
Identificadorhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3250 (pt-BR) 3
IdentificadorDOI: 10.18617/liinc.v6i2.362 (pt-BR) 3
TitleRelações semânticas em ontologias: estudo de caso do Blood Project | Semantic relations on ontologies: the case study of the Blood Project (pt-BR) 3
AuthorALMEIDA, Maurício Barcellos (pt-BR) 1
AuthorTEIXEIRA, Livia Marangon Duffles (pt-BR) 1
AuthorCOELHO, Kátia Cardoso (pt-BR) 1
AuthorSOUZA, Renato Rocha (pt-BR) 1
Access Linkhttp://revista.ibict.br/liinc/article/view/3250/2883 (pt-BR) 3
Access Linkhttp://revista.ibict.br/liinc/article/downloadSuppFile/3250/709 (pt-BR) 3
IssueLiinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (pt-BR) 2
Nome da PulicaçãoLiinc em revista (pt-BR) 1
SessãoMal Artigo | More Article (pt-BR) 1
Disponibilizado2010-09-29 (pt-BR) 1
hasAbstractResumo Nos últimos anos, a pesquisa em ontologias tem recebido destaque pelas possibilidades que oferece na organização da informação. No desenvolvimento de ontologias, a fase de conceitualização merece atenção especial por sua importância e complexidade. Esse artigo busca investigar possibilidades de melhorias na fase de conceitualização, adotando aportes da Linguística para verificar variações na semântica das relações entre termos. Apresenta-se uma proposta que abrange: i) um esquema linguístico para identificar relações semânticas em um texto; ii) o uso de uma ferramenta automática para extração de termos de textos médicos; iii) uma avaliação realizada por médicos sobre quais relações seriam mais adequadas. Investiga-se a existência de variações significativas na semântica das relações, o impacto dessa variação no desenvolvimento de ontologias e a validade das relações obtidas. Espera-se contribuir através de novas possibilidades na construção de instrumentos de organização da informação, bem como fornecendo alternativas para os profissionais envolvidos.Palavras-chave ontologias, Ciência da Informação, processamento de linguagem natural, relações semânticas, organização da informação.Abstract In the last years, research on onthologies has received much attention because of the possibilities it offers regarding information organization. During the onthology development process, the phase of conceptualization deserves special attention on account of its importance and complexity. This paper investigates possible improvements in the phase of conceptualization, relying on linguistics theories to verify variations of semantic relations among terms. We present a proposal including: i) a linguistic-based schema which identifies semantic relations in texts; ii) the use of an automatic tool which extracts terms from medical texts; iii) an assessment conducted with physicians requesting which relations are more appropriate. We investigate the possibility of significant variations in the semantic of those relations, the impact of such variation on the development of onthologies and the validity of the obtained relations. We hope to offer new possibilities regarding the construction of information organization instruments, as well as providing alternatives to involved professionals.Keywords onthologies, Information Science, natural language processing, semantic relations, information organization (pt-BR) 3
hasFileStorage_repository/708/2018/09/oai_ojs_revista_ibict_br_article_3250#00051.pdf () 1
hasFileStorage_repository/708/2018/09/oai_ojs_revista_ibict_br_article_3250#00051.txt () 1
hasIdRelações semânticas em ontologias: estudo de caso do Blood Project | Semantic relations on ontologies: the case study of the Blood Project
ALMEIDA, Maurício Barcellos; TEIXEIRA, Livia Marangon Duffles; COELHO, Kátia Cardoso; SOUZA, Renato Rocha
Liinc em revista, n. 2, v. 6, 2010. (Mal Artigo | More Article) () 3
SourceLiinc em Revista; v. 6, n. 2 (2010): Linguagem, informação e novas dinâmicas sociais contemporâneas (pt-BR) 3
Source1808-3536 () 3
ThemaOntologia (pt-BR) 1
Thema1 Ciência da Informação (pt-BR) 1
ThemaProcessamento de Linguagem Natural (pt-BR) 1
ThemaRelação Semântica (pt-BR) 1
ThemaOrganização da Informação (pt-BR) 1